Legado olímpico: Rio de Janeiro irá sediar os jogos Pan-Americanos Master em 2020

Palco da Copa do Mundo e das Olimpíadas, o Rio de Janeiro irá sediar os jogos Pan-Americanos Master em 2020. O contrato foi assinado nesta quarta-feira (10) e deve atrair cerca de 20 mil visitantes, que, juntos, trarão cerca de R$ 150 milhões na economia carioca. O evento será realizado entre os dias 4 e 13 de setembro de 2020 e contará com a participação de atletas não-profissionais acima dos 30 anos.

O Presidente da International Master Games Association (IMGA), o dinamarquês Kai Holm, celebrou a formalização do acordo para a próxima edição do evento, que contará com 26 modalidades esportivas e competições realizadas nas zonas Norte, Sul e Oeste da cidade, respectivamente, nos bairros do Maracanã, Copacabana, Barra da Tijuca e Deodoro.”Ter uma metrópole como o Rio de Janeiro, com essa beleza exuberante, como cidade-sede, engrandece ainda mais esse evento. Será um grande prazer ter o Rio como sede dos Jogos Pan-Americanos Master 2020″, afirmou Holm.

 A subsecretária do Legado Olímpico, Patrícia Amorim, afirmou que com o Master Games a cidade do Rio irá consolidar sua capacidade em garantir um legado olímpico mesmo após os Jogos de 2016. “Com todas as dificuldades, nós conseguimos. Nossos órgãos estão integrados, em perfeita harmonia, todos falam, todos contribuem”, afirmou a subsecretária, e ex-atleta olímpica.“O Brasil já tem hoje 30 milhões de idosos, e em 2030 essa população será maior que a de jovens e crianças menores de 14 anos. Por aí temos uma ideia do que representa esse evento: temos que nos preparar para essa nova realidade. A Prefeitura do Rio já tem atuado nesse sentido. Nossas Vilas Olímpicas têm mais de 20 mil adultos praticando atividades e as academias da terceira idade trazem atividades para milhares de cariocas todos os dias”, afirmou Djan, nadador master e atual recordista mundial nos 200 metros nado livre.

O Rio de Janeiro garantiu o direito de sediar a competição ao vencer, em abril, a disputa entre Cali, na Colômbia, e Cleveland, nos Estados Unidos, em cerimônia realizada na Nova Zelândia. Na semana passada, a Prefeitura do Rio conseguiu, junto à Casa Civil, a liberação dos US$ 100 mil oriundos dos royalties do petróleo necessários para a assinatura do contrato.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s